Prefeitura de Fabriciano e SEBRAE celebram parceria em projeto inédito

O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE) em parceria com a Prefeitura Municipal de Coronel Fabriciano, Acicel-CDL e Unileste traz para Coronel Fabriciano um Programa que será desenvolvido em várias etapas e ajudará o município a construir um Planejamento de Desenvolvimento Econômico Local – DEL.

 

O plano será construído de forma participativa e democrática, e tem como objetivo, mobilizar e incentivar lideranças de três setores: poder público, sociedade civil e inciativa privada representada por empresários e entidades a descobrirem suas potencialidades gerando oportunidades de negócios.

 

Em Minas Gerais, Coronel Fabriciano será o primeiro município a receber este projeto piloto, que propõe ações de crescimento econômico. Posteriormente a meta é que a iniciativa seja estendida a outras cidades a partir dos resultados alcançados.

 

Segundo o secretário de Governança de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Cultura, Homero Quinete, esta iniciativa visa estimular a vocação econômica do município, que sempre foi uma prioridade do plano de Metas do prefeito Dr. Marcos Vinicius. “Estamos buscando soluções e oportunidades por meio deste planejamento, a médio e logo prazo. Nosso objetivo é desenvolver um trabalho conjunto para que possamos nos desenvolver economicamente, gerar emprego e também atender a várias questões sociais”, frisou.

 

Para que haja resultados em longo prazo, o SEBRAE fará o acompanhamento técnico durante a execução do Plano, capacitará lideranças, formará um Fórum para acompanhamento do plano, além de incentivar o desenvolvimento de projetos existentes ou a serem elaborados.

 

O planejamento foi baseado em cinco dimensões: Capital empreendedor; Tecido empresarial; Governança para o desenvolvimento; Organização produtiva e Inserção cooperativa.

 

Para o prefeito de Fabriciano, Dr. Marcos Vinicius, que foi eleito, vice-presidente do G100, (Grupo de cidades brasileiras com mais de 80 mil habitantes de baixa renda e alta vulnerabilidade socioeconômica), esta é uma oportunidade para que o município deixe de depender especificamente de repasse financeiros. “Durante muito tempo nossa cidade ficou parada no tempo. Com esta iniciativa daremos condições para que todos sejam capacitados e identifiquem a vocação da nossa cidade, visando sempre o desenvolvimento econômico local”, disse.

 

Para o gerente do Sebrae Minas Regional Rio Doce e Vale do Aço, Fabrício César Fernandes, ao aceitar realizar esse planejamento, o município de Coronel Fabriciano mostra que o desenvolvimento econômico  é prioridade.

 

“O Sebrae está muito feliz com o aceite do Dr. Marcos Vinícius, em participar desse programa inovador em  Minas Gerais. Temos a certeza, que a experiência de realizar esse projeto em Coronel Fabriciano servirá de estímulo pra que outros municípios”, destaca Fabrício.

 

O gerente regional ressalta ainda que o plano será feito através de uma construção conjunta das lideranças do município, com uma visão de futuro, e que a tendência é que este trabalho seja uma pauta da comunidade.  

 

“Entendemos a importância do PDEL para Coronel Fabriciano e, como entidades representativas da classe empresarial, somaremos esforços para a construção deste planejamento estruturado, pensando a cidade que queremos para 2030. Temos exemplos de outros municípios brasileiros em que os setores organizados se uniram com este propósito e que deu certo por isso, apoiamos a ideia” declarou a presidente da ACICEL-CDL de Coronel Fabriciano, Maria Angélica Rodrigues Nunes.

 

LANÇAMENTO

O lançamento do Programa de Desenvolvimento Econômico de Coronel Fabriciano, será no próximo dia 4 de junho, às 8h, no Hotel Metropolitano.